Menu

Quer retorno para o seu negócio? Invista em você primeiro.

O crescimento do empreendedorismo é evidente. Não só no Brasil, mas no mundo todo, pessoas estão saindo da zona de conforto ou buscando uma saída para o desemprego por meio do empreendedorismo. Com isso, a concorrência pelas melhores oportunidades também está crescendo. Hoje, já são mais de 6,9 milhões de microempresas registradas no país e cada um precisa saber como desenvolver o seu negócio ou projeto em meio a tudo isso. Experiência, habilidades e conhecimento do mercado precisam se juntar a uma boa educação empreendedora capaz de direcionar e alavancar a jornada de um empreendedor.


Porém, primeiro, vamos entender de onde nasceu esse movimento de expansão do empreendedorismo. Os últimos anos para o Brasil não foram dos melhores, passamos por crise política e financeira, falta de investimentos externos e alcançamos a cotação do dólar mais alta em décadas. Vinod Khosla, cofundador da Sun Microsystem, grande investidor de startups do Vale do Silício, disse em entrevista que dos problemas, nascem negócios que são a solução, e sem esse problemas não temos negócios. Portanto, num cenário de crise é de se justificar o nascimento de milhares de empreendedores com a vontade de solucionar problemas.

Entendido isso, precisamos passar para o próximo problema que os empreendedores terão de solucionar: como fazer da sua ideia/negócio se tornar realidade? Se faz essa pergunta porque, com milhares de empreendedores, a dificuldade de se destacar é enorme. É essencial entender como funciona o mercado em que atua, desenvolver diferentes competências como empreendedor, por onde é melhor começar, como monto minha equipe, como devo me posicionar, como consigo um investidor e etc. Mas você chegou agora nesse mercado e precisa entender qual metodologia seguir para alcançar resultados em um curto espaço de tempo, pois, sabemos que no Brasil o empreendedor não possui tantas chances para errar. E aqui, acredite ou não, a melhor saída é investir em educação empreendedora.

Começar sozinho a empreender não é fácil, e dar os primeiros passos no escuro pode ser crítico para sua saúde e do seu negócio. Quando falamos de sobrevivência de empresas, indicamos três fatores de risco que aumentam a mortalidade de negócios no país: a falta de planejamento, uma gestão fraca, desatualizada e sem diferencial. E uma baixa capacitação dos fundadores com falta de treinamentos e desenvolvimento de habilidades.

Então, vamos descobrir as melhores oportunidades focadas em educação empreendedora, é uma excelente alternativa para solucionar grande parte dos fatores de risco de um negócio, a partir do momento que o empreendedor estará munido de habilidades, conhecimento e atitudes necessárias para alavancar o seu negócio.

E o interessante é que ir atrás de uma educação empreendedora de qualidade não serve apenas para aqueles empreendedores que estão começando. Você pode estar com seu projeto nas mãos, funcionando, mas a curva de crescimento estagnou ou está caindo. Como restabeleço meu negócio? É hora de se reinventar e o que você conhece funcionava no início e hoje não funciona mais. Procure uma reeducação, busque uma metodologia nova, uma nova estratégia.

A educação empreendedora é um processo, são etapas a serem alcançadas para chegar no objetivo do seu negócio e a mentoria é uma das metodologias mais assertivas que conheço, pois entrega uma supervisão e um expertise que é transmitida ao longo da jornada de educação de maneira individual, customizada e afetiva. O mentor passa a ser seu “conselheiro de confiança” acompanhando as etapas do projeto e reduzindo significativamente a distância entre o discurso ideal dos cursos de sala de aula e a realidade possível e cotidiana de empreendedores.

Não tenha medo de investir em novos conhecimentos e metodologias inovadoras de educação quando o assunto é empreendedorismo. Ser empreendedor hoje tanto no Brasil como no mundo é um grande desafio. Traçar uma estratégia, um roadmap e um planejamento é uma tarefa delicada e fundamental trazendo consequências decisivas que podem transformar o caminho do seu negócio. E a educação empreendedora vai além de ensinar, ela traz uma visão externa do seu negócio, saindo do pensamento daqueles que estão 24 horas por dia imersos e dedicados a uma ideia. Vamos em frente?

Para saber mais sobre educação empreendedora, fique ligado na ProjectHub